quinta-feira, 28 de junho de 2012

Explicar algumas coisas ao Bruno César e não só

«Tivemos o título na mão, com cinco pontos de vantagem para o FC Porto, mas estávamos jogando quatro competições ao mesmo tempo, enquanto eles disputavam apenas uma. Isso gerou um desgaste maior na nossa equipa, que acabou por não conseguir manter a vantagem que tinha. Mas é importante destacar que chegámos aos quartos de final da Liga dos Campeões ficando em primeiro lugar de um grupo que tinha o Manchester United. Por isso, penso que o saldo da temporada foi positivo», disse Bruno César, em declarações prestadas ao site brasileiro Trivela.
Convêm explicar que para o Benfica o que ele descreveu não é um saldo positivo. 

«Tivemos o título na mão» É verdade, deixamos fugir porque não se soube defender o Benfica, nem os jogadores quando deviam. Isto não é positivo.


«com cinco pontos de vantagem para o FC Porto» Mais que suficiente para gerir, mesmo estando em varias competições. Mais uma vez devido a falta de proteção da equipa. Isto não é positivo.


«estávamos jogando quatro competições ao mesmo tempo» Temos de ter capacidade para tal e se não temos então temos de assumir as prioridades e no Benfica A prioridade é o campeonato.  Isto não é positivo.


«chegámos aos quartos de final da Liga dos Campeões ficando em primeiro lugar de um grupo que tinha o Manchester United» Isto é positivo.

Resumindo o saldo da temporada não é nada positivo.
  • Conquista do Campeonato: Negativo
  • Taça de Portugal: Negativo
  • Taça da Liga: Positivo
  • Quartos de Final LC: Positivo
Como o campeonato e a Tala de Portugal valem mais de 50% (muito mais), então é um saldo bem negativo.

Acho que era importante explicar ao Bruno César isto e se calhar a mais jogadores.

2 comentários:

  1. Se quer dizer que faltou apoio à equipa por parte da Direcção, estou de acordo. É inadmissível que antes do jogo com o Guimarães, o Srº Vieira vá dar uma entrevista à RTP dizendo que só volta a falar de árbitros quando estes forem profissionais. E que até ver, a arbitragem estava melhor.

    É evidente que começou aí o descalabro. Jogando assim ou assado, se o Xistra (outra vez) não inventa a falta que acabou dando o golo do Guimarães, ou se marcasse o penalty sobre Rodrigo como faz quando é o FCP, depois veio o jogo de Coimbra, inenarrável do ponto de vista de arbitragem, e pronto, está explicado como se perdem 5 pontos em 2 jogos.

    Estes árbitros sonham com uns jogos europeus. Alguns conseguem-no .... e nós a vê-los passar (em títulos)

    www.basta2002.blogspot.com

    ResponderEliminar