sexta-feira, 28 de agosto de 2015

O que o Jornal de Noticias fez ontem é (colocar aqui palavrão) e eu vou dar um exemplo

Ontem o Jornal de Noticias fez uma coisa que é muito comum hoje em dia nos media, colocar um titulo bombástico que depois não reflecte a noticia. O Benfica reagiu, tarde, mas reagiu com um excelente comunicado, depois o JN veio justificar-se, aqui

Pegando no esclarecimento do JN, vou criar aqui uma noticia que vai atingir o jornalista que montou a reportagem. Esta noticia é completamente fictícia e tem apenas como objectivo de provar o mundo sujo onde andam os jornalistas hoje em dia.

O jornalista do JN é um bêbado. 

A VE sabe que um jornalista do JN foi considerado um bêbado e que uma testemunha viu a cambalear pelas ruas da cidade. Essa mesma testemunha disse ao VE que ele o teria tentado sentar oferecendo depois um liquido branco que devia ser de certeza vodka.
A testemunha contactada pela VE é muito conhecido na cidade e  já não é a primeira vez que faz afirmações desta. É um conhecedor da rua e é um alcoólico conhecido. Confirmámos então que afinal jornalista em causa estava apenas ajudar o alcoólico de rua e que o liquido em questão era água.
Mas mesmo quando estávamos a ir embora ouvimos bem alto: "Esse jornalista é um bêbado".

E pronto nada mais fácil, ou seja, é apenas destacar o que interessa e colocar no titulo, sabendo que a maioria das pessoas apenas lê as gordas e pior o JN quando lançou a noticia apenas colocou um pequeno texto e depois com a indicação ver na edição de papel ou premium.

Enquanto uns choram outros


quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Grupo C




Benfica (POR)
Atlético (ESP)
Galatasaray (TUR)
Astana (KAZ)

PJ garante que não estão em causa suspeitas de crime em relação ao clube.

O ex-director do Departamento de Apoio aos Jogadores do Benfica terá usado frequentemente o gabinete que tinha nas instalações do clube para traficar cocaína. Ao longo de oito meses de investigação, que contou com diversas escutas telefónicas e com vigilâncias, a PJ registou várias reuniões entre o então director José Carriço e um grupo de colombianos suspeitos de tráfico de droga. 
No final de Julho, José Carriço foi detido pela PJ na auto-estrada A1 com outro homem tendo-lhes sido apreendidos 9,5 quilos de cocaína, noticiou esta quinta-feira o Jornal de Notícias e confirmou o PÚBLICO junto de fonte da Polícia Judiciária. A mesma fonte garantiu, porém, que em causa estão apenas suspeitas relativas ao ex-director e não em relação ao clube. 
A PJ anunciou em Julho as detenções, mas a operação passou despercebida porque o comunicado era lacónico e não mencionava o clube ou tão pouco as funções dos detidos, como é regra acontecer. Fonte da PJ, explicou que assim foi porque era já certo que o Benfica não era suspeito nesta investigação.
Via Publico

Quando nitidamente a noticia foi plantada através do Jornal de Noticias para atacar o Benfica apenas tenho pena que o Sport Lisboa e Benfica nunca reaja a estas coisas e fique a ver sempre a bola de neve aumentar.


Ps: O Benfica está à espera de colocar esta informação no site porquê?

O meu grupo para Liga dos Campeões